Offcanvas Section

You can publish whatever you want in the Offcanvas Section. It can be any module or particle.

By default, the available module positions are offcanvas-a and offcanvas-b but you can add as many module positions as you want from the Layout Manager.

You can also add the hidden-phone module class suffix to your modules so they do not appear in the Offcanvas Section when the site is loaded on a mobile device.

Terminei o segundo texto da minha série sobre a crise sanitária e de informação que estamos vivendo falando de perplexidade da população em relação à avalanche de informações acerca da crise, perplexidade que se coloca para além da própria pandemia que não dá trégua.

Leia os dois artigos aqui:

A economia se ressuscita! Mas as vidas devem salvas agora: os governantes precisam se entender urgentemente!

Isolamento horizontal ou vertical? Somos a favor da vida e da economia contra a pandemia!

O que vejo é que nada mudou desde aquele manuscrito, e a perplexidade da população continua justamente porque a guerra de informação e desinformação continua cada vez mais acirrada (chega-se a falar de teoria da conspiração) e ninguém se entende com relação à forma de se enfrentar o problema. Em verdade, se existe uma divergência técnica, precisamos pelo menos que ela seja devidamente esclarecida à sociedade de uma maneira mais uniforme de modo a transmitir um grau mínimo de segurança à população para que todos possam agir da melhor forma possível a enfrentar o problema.

Infelizmente, essa orientação não está sendo feita e é aí que continua residindo a minha indignação!

Entendo, por exemplo, que o Governo Federal vem agindo muito bem, pela minha compreensão, desenvolvendo boas medidas para tentar conter a patente recessão econômica que virá e o enfrentamento das questões trabalhistas, pois infelizmente nenhum Poder Público conseguirá aliviar o povo de tudo que a pandemia infelizmente está nos ocasionando!

É visível que, quando o Presidente deixa seus assessores trabalharem tentando levar para a população a propugnada uniformidade, tudo fica mais fácil. Veja, por exemplo, na ação que a União responde no STF, a AGU corretamente expôs de forma ordenada para o Tribunal tudo que o Governo vem fazendo e é essa tranquilidade que se busca (https://oglobo.globo.com/brasil/agu-informa-ao-stf-que-governo-bolsonaro-apoia-isolamento-social-contra-coronavirus-1-24352953).

Não estou aqui fazendo críticas pessoais a nenhuma autoridade, em especial ao Sr. Presidente da República, e tenho deixado claro, desde o começo, a sua preocupação salutar com a questão da economia, já que é razoável a preocupação de que a crise econômica que ocorrerá certamente após o enfrentamento da pandemia pode matar muito mais pessoas que a própria doença.

No atual cenário, entretanto, não se pode defender que qualquer dos lados da suposta disputa política que vejo, predomine de forma absoluta em relação ao outro. Precisamos sim, que haja entre todos os governantes e agrupamentos políticos o devido entendimento sobre a matéria. Vejamos como exemplo a forma como o Legislativo brasileiro vem tendo ao aprovar o chamado “Orçamento de Guerra”, oportunidade em que se viu partidos tradicionalmente de oposição ao Governo Federal votando favoravelmente e dando voto de confiança.

A partir desse exemplo, mais uma vez, exorta-se aos Governantes que deixem de lado suas questões pessoais, de politicagem ou de qualquer outra natureza, em especial a famosa vaidade que prevalece demais na seara pública e política, em nome da saúde e da economia pública, já que dos homens públicos esperamos sempre a atitude de buscar o benefício maior da coletividade, já que representam todos nós no exercício de seus mandatos.

E vou mais além para finalizar, querer que o povo brasileiro, no meio dessa desinformação e informação desencontrada não aja por precaução, é sinceramente querer demais, pois até mesmo por instinto a maioria das pessoas vão querer, por medo, seguir a linha do isolamento social, na qual as autoridades técnicas do próprio Governo estão a indicar e oficialmente o STF recebeu essa resposta.

Portanto, não há razão para que se continue essa perseguição ou sei lá o que que acontece nesse momento com quem tão somente resolve agir segundo a maioria e com medo do que está se está se vendo. Tome como exemplo os Estados Unidos, tão copiado por nós, que defenderam, no primeiro momento, a liberalidade da população trafegar livremente e agora, quando mudaram a forma de enfrentar a pandemia, com recomendação explícita de isolamento social, deixou de ser paradigma para quem antes os idolatravam!

Como dito já era para finalizar, porém, ontem fomos surpreendidos, também na esfera federal e com reflexo, por óbvio, em todas as ações atuais, inclusive a resposta mencionada no STF, que o Ministro Mandetta poderia ser exonerado e como enunciado pelo mesmo ao final do dia em entrevista coletiva, além de mais um desencontro de informações, o dia rendeu pouco, ou seja, muitas coisas acontecem em nosso país além da pandemia e da própria economia e isso não pode continuar acontecendo, daí esse último exemplo ao mesmo tempo de desinformação com final de feliz de entendimento, que é justamente o que o povo brasileiro espera daqui pra frente que teremos a fase mais aguda da crise. 

O chamado pico da pandemia não chegou ainda no Brasil e tomara que os que hoje pregam o isolamento vertical e a retomada diagonal ou qualquer outro nome de retorno do povo às ruas estejam certos. Não se pode admitir, entretanto, que se condenem aqueles que pretendem permanecer no isolamento, principalmente em face do medo e temor causado por tanto desencontro de informação, agindo de forma defensiva e com precaução.

Indago, essas pessoas estão erradas ou são as autoridades que não se entendem?

Será que nos outros países as coisas estão do mesmo jeito que no Brasil?

Sinceramente, eu não sei a resposta, mas tenho certeza que aqui ou em qualquer outro pais em que haja esse desencontro, as coisas não andam bem, e, certamente, não deveria ser assim, pois a possível divergência técnica, por si só, não é razão para se tratar um problema tão grave como está sendo tratado no Brasil. Para mim, esse estado de coisas, somente comprova algo que há muito tempo denuncio: a politicagem que não deixa de prevalecer sobre todos os problemas sérios que os políticos enfrentam em nosso país e nem mesmo uma pandemia faz a maior parte deles esquecerem.

Ainda bem que temos exceções e são elas que nos movem e nos dão a certeza que na verdadeira política teremos a solução para todos os problemas, afastando essas pessoas que somente a usam de modo errado, até mesmo numa crise como a que estamos vivendo agora.

Não percamos a esperança nunca, pois ela nos reaviva todos os dias e o Brasil e o mundo vencerão esse mal, mesmo com esses que se dizem políticos e que, na verdade, são oportunistas que se aproveitam de tudo para continuarem fazendo média, até mesmo em momentos que a união deveria ser a única tônica para salvarmos as vidas e a própria economia de nossa sociedade, ao mesmo tempo!

José Herval Sampaio Júnior
Cidadão indignado com grau de desinformação técnica e uniformidade de tratamento da pandemia no Brasil

Comments powered by CComment